.

O Lulo reflete as diferentes experiências de opressão vividas pelo povo negro no clipe “Quem?”

Imagem/Divulgação
Por Nathália Pandeló Corrêa
Quem trocaria suas experiências, rotinas e vivências pelas de uma pessoa negra no Brasil? Esse questionamento provocador, apresentado em uma palestra em vídeo que chegou ao rapper curitibano O Lulo, vira mote para seu novo e cinematográfico clipe. “Quem?” é lançado no Dia da Abolição da Escravatura, uma data simbólica e propícia para a pergunta: onde está a liberdade?
A faixa foi um dos destaques do EP “Longe de Casa”, lançado pela Faraoh Records e chega com uma versão em vídeo com nova masterização, verso extra e clipe dirigido e produzido pela Pangea Narrativas Ilimitadas.
“A proposta do videoclipe é mostrar três personagens que sofrem com o racismo de formas diferentes um escritor, um menino da periferia e um rapper. O projeto visa a denunciar a violência policial em cima das pessoas negras e tem o objetivo de explicitar meus sentimentos perante a opressão sofrida pelo meu povo, buscando gerar indagações e reflexões”, conta o artista.
O Lulo cresceu em um lar musical, mas só se dedicou à arte a partir de 2018, fazendo de suas palavras um modo de lutar contra a depressão. O EP “Longe de Casa” está disponível em todas as plataformas de música digital e o clipe, no canal do YouTube do artista.

 

Comentários